TV News
SPlay

Governo aposta em atrasos no caso Queiroz como estratégia para blindar Flávio Bolsonaro

Den√ļncia do MP contra Fl√°vio Bolsonaro, por exemplo, estava pronta para ser apresentada, mas foi suspensa ap√≥s a decis√£o do TJ-RJ

Por Super - Rádio e Notícia em 01/07/2020 às 10:07:44

Integrantes do Pal√°cio do Planalto admitem, nos bastidores, que a vitória de Fl√°vio Bolsonaro (Republicanos-RJ) no Tribunal de Justi√ßa do Rio de Janeiro, que concedeu foro especial ao senador, ter√° prazo de validade breve, com a revers√£o no Supremo Tribunal Federal (STF). A decis√£o, no entanto, tem sido comemorada mesmo assim.

O motivo da comemora√ß√£o: governistas apostam nos atrasos na investiga√ß√£o envolvendo Fabr√≠cio Queiroz para evitar novos desgastes à fam√≠lia Bolsonaro ao mesmo tempo em que o presidente lida com a crise do coronav√≠rus e seus impactos na Sa√ļde e na economia, além dos inquéritos no STF que apuram o financiamento das manifesta√ß√Ķes antidemocr√°ticas e a dissemina√ß√£o de fake news.

Para governistas ouvidos pelo blog, a estratégia priorit√°ria da defesa de Flavio Bolsonaro, que antes era arquivar o caso Queiroz, foi substitu√≠da por outra, de atrasar as investiga√ß√Ķes e seus desdobramentos. Uma den√ļncia do Ministério P√ļblico contra Fl√°vio Bolsonaro, por exemplo, estava pronta para ser apresentada, mas foi suspensa após a decis√£o do TJ-RJ.

Por isso, apesar de esperarem a revers√£o da concess√£o do foro privilegiado a Fl√°vio no Supremo, o Planalto avalia que ganhou tempo no caso Queiroz.

No entanto, bolsonaristas sabem que a investiga√ß√£o envolvendo o ex-assessor é uma amea√ßa à estabilidade do governo. Por isso, Bolsonaro tem sido aconselhado a manter a mudan√ßa de postura que adotou desde que o amigo de longa data foi preso, na casa de Frederick Wassef, ent√£o advogado de Flavio Bolsonaro no caso das rachadinhas.

Fonte: G1

TV News
Anuncie 2
Don Petisco
SPlay
Maravilhas da Terra
Madame Damy

Coment√°rios

Maravilhas da Terra